Renascida

atravessei o Lethé novamente. dessa vez fui mais prudente. bebi da água mais pura e saborosa com calma, devagar, gole a gole, sem pressa. satisfeita, lavei meu rosto com as duas mãos, molhei meus seios, a nuca e a testa, “salvei” as águas três vezes e atravessei do outro lado do rio sentindo o meu pulso firme, passo a passo. ao invés de esquecer me lembrei do que eu já havia dito há muito, muito tempo:

“pior que a morte, querida, só o esquecimento…”


a mulher eterna… anda…
e não teme amar de novo.

Uma resposta to “Renascida”

  1. vma Says:

    não consigo expressar em palavras o quão gostoso é sempre reler seu blog. Seu modo de se expressar é delirante.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: